Depois de 20 anos, o primeiro clássico.

rogeriorummens2

Um São Paulo completamente diferente, é assim que podemos cravar o Tricolor de 2017. Um time aguerrido, que mantem a pose de bola, o controle do jogo, os bons passes e a vontade de vencer em todos os momentos, o São Paulo mudou, e o principal nome para essa mudança é o cara que antes vestia luvas e hoje sua literalmente a camisa na área técnica, Rogério Ceni.

Ligo o televisor ou seja lá o que for possível para acompanhar os jogos do Tricolor e vejo a visível evolução da nossa equipe, nós que levamos o sangue vermelho, branco e preto nas veias, temos a sensação de um pulsar maior que Rogério consegue nos dar com o trabalho muito bem feito que vem realizando, se antes jogar clássicos ou levar gols era motivo de desespero e apatia, hoje eles viraram motivos de guerras a serem vencidas e conquistas a serem buscadas, que no caso, o Tricolor escolhe e faz muito bem as duas ultimas opções.

Hoje, 20 anos depois do primeiro tento marcado, Rogério conquista sua primeira vitória em clássicos, e que vitória! Após sair perdendo, o Tricolor mostrou um poder de reação incrível. Depois de Cueva converter o penalti no final do primeiro tempo e de Luiz Araujo calar a Vila Belmiro com seus contra ataques rápidos e diretos. É válido também lembrar do ótimo jogo que fez novamente o menino Junior Tavares, sim, temos um Lateral Esquerdo, e um lateral esquerdo de muita qualidade. Não só Junior mas também a boa participação de João Schmidt e Cueva, João por ser muito completo na marcação e por sair jogando com tamanha qualidade. Sobre Cueva…bom, poucas palavras bastam para homenagear o nosso 10, excelente jogador e de uma visão de jogo incrível. Muda o jogo e coloca e faz os adversários se perderem, não por seu pequeno tamanho, mas sim por seu grande futebol. O Santos fez um bom jogo durante seu início, mas não conseguiu segurar a vontade e o ímpeto de crescimento que o Tricolor colocou no mesmo. Não deu outra, Santos 1×3 São Paulo, de virada, aguerrido, com a cara de Rogério, como deve ser e sempre será.

O tabu foi quebrado, mais um no ano que apenas se inicia, e a luta rumo a um 2017 glorioso se mostra bem encaminhada. Que venha o Mirassol e que eu possa diariamente agradecer ao nosso treinador, o M1TO.

VAMOS SÃO PAULO, CARAJO!

Foto: Mauricio Rummens

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s